Gosta de amargor? Então conheça as 10 cervejas mais amargas do mundo

11/08/2016 - Curiosidades

16.579 visualizações

Gosta de amargor? Então conheça as 10 cervejas mais amargas do mundo

Ana Paula Komar
Jornalista, apaixonada por história, curiosa por culturas e apreciadora de boas cervejas!

Esse post, com as 10 cervejas mais amargas do mundo, é um post especial para todo apaixonado por lúpulo e amargor. Queridinho de muitos cervejeiros, o lúpulo é o principal responsável pelo amargor da bebida. Para os lupulomaníacos a sigla IBU é o fator determinante que definirá a qualidade de uma cerveja.

Trocando em miúdos o IBU é a sigla para International Bitterness Unit e são as unidades que medem a quantidade de amargor em uma bebida. Oficialmente, o índice vai de 0 a 120 – teoricamente, esse seria o maior nível de amargor que as papilas gustativas humanas são capazes de identificar, acima disso a diferença passa a não ser mais percebida pelo paladar humano. Mas, na prática, as cervejas podem ir muito além disso. Muitos cervejeiros tentam elevar ao máximo o amargor de suas cervejas, desafiando o paladar humano.

Vamos à lista! Veja quais são as 10 cervejas mais amargas do mundo.

Gilgamesh-Ridgeway-IPA#10 – Gilgamesh Ridgeway IPA – 168 IBUs – Produzida pela Gilgamesh Brewing a Ridgeway IPA leva três variedades de lúpulo em sua receita: columbus, simcoe e amarillo.

Hoppin-Frog-Mean-Manalishi#09 – Hoppin Frog Mean Manalishi – 168 IBUs – A cervejaria Hoppin Frog iniciou suas atividade em 2000, em Ohio. Sua mais amarga produção é essa double IPA .

Starr-Hill-Double-Platinum#08 – Starr Hill Double Platinum – 180 IBUs – Bem amarga, essa é uma ceveja do estilo Imperial IPA, produzida lúpulos simcoe e centennial.

Midnight-Sun-Gluttony-#07 – Midnight Sun Gluttony – 200 IBUs – Dona de vários prêmios a cervejaria Midnight Sun é uma forte representante de um dos principais centros americanos de cervejas artesanais A Midnight Sun Gluttony é uma Triple IPA cheia de lúpulos cítricos.

Hill-Farmstead-Ephraim#06 – Hill Farmstead Ephraim – 280 IBUs – Uma imperial IPA que utiliza em sua receita 5 variedades de lúpulo: centennial, chinook, columbus, simcoe e warrior. Nessa receita ainda é relizado um duplo dry hop de lúpulo.

To-Øl-Mikkeller-Overall-IIPA#05 – To Øl/Mikkeller Overall IIPA – 408 IBUs – Essa é uma Imperial IPA com 10.5% de teor alcoólico.

Invicta-1000-ibu#04 – Invicta 1000 IBU – A Invicta criou essa Imperial IPA, com 8% de teor alcoolico, para comemorar seu aniversário de dois anos.

Mikkeller-1000-IBU#03 – Mikkeller 1000 IBU – Sua receita leva uma generosa carga de lúpulo, justamente para deixa-la bem amarga. Mesmo sendo extremamente amarga, os maltes contribuem com o dulçor, deixando a cerveja com alta drinkability.

Hart-&-Thistle-Hop-Mess-Monster#02 – Hart & Thistle Hop Mess Monster v2.0 – 1066 IBUs – Essa cerveja canadense possui 9.2% de teor alcóolico. Durante as etapas de seu processo de brassagem são adicionados pellets e lúpulos em flor.

Flying-Monkeys-Alpha-Fornication#01 – Flying Monkeys Alpha Fornication – 2500 IBUs – Essa é considerada a cerveja mais amarga do mundo. A Alpha Fornication é uma Imperial IPA com 13,3% de teor alcoolico.

Depois de ver toda essa lista, com as cervejas mais amargas do mundo, saber um pouco mais sobre essa unidade que mede o amargor não é nada mal né? Confira aqui um post todinho sobre IBU.

pack-cervejas-lupuladas

Pack Cervejas Lupuladas

Uma bomba de amargor!

de R$ 161,80
por R$

134,90

Comprar

* Ao clicar em comprar você será redirecionado para a página do produto em nossa loja.

  • Olha, o nível máximo de amargor IBU é de 120. A percepção máxima é essa. Além disso, fazer uma cerveja com 120 IBU já é uma tarefa hercúlea. Acho que a jornalista deveria se informar melhor, principalmente para saber o que é marketing e o que é real.

    • Fala Rafael, tudo bem? Com certeza um estudo é realizado antes de publicarmos qualquer informações aqui. Como mencionado no texto, o índice IBU são as unidades que medem a quantidade de amargor em uma bebida. De acordo com estudos, 120 IBU’s é o maior nível de amargor que as papilas gustativas humanas são capazes de identificar, acima disso a diferença passa a não ser mais percebida pelo paladar humano. Mas, a possibilidade de produzir uma cerveja com IBU acima de 120 existe e mesmo havendo toda uma jogada de marketing por trás disso, o fato de uma cerveja ser produzida com mais de 120 IBU’s é real.
      Agradeço seu comentário e espero ter explicado melhor. Caso queira pode conferir um pouco mais sobre IBU nesse nosso outro post aqui: http://blog.clubedomalte.com.br/curiosidades-cervejeiras/voce-ja-ouviu-falar-em-ibu/

  • Muito bom o post. Cervejas extremamente amargas agradam a poucas pessoas. Já tomei boa parte das q foram apresentadas. Faço cerveja em casa e um grande desafio é atingir níveis altos de IBU, mas com certeza pode passar de 120. Parabéns pela matéria!

  • excelente. quero provar todas. valeu pelas dicas! poderia esclarecer o ibu de cada… ademais, da ultima vez que eu tomei a madalena double ipa, ela dava um pau na mil ibu (tambem da ultima vez que tomei). as demais (in)felizmente, ainda não as provei

    • Olá Roberto, obrigada que bom que curtiu. Sim, com certeza, fora as da lista tem várias outras cervejas que são também bem amargas, mas limitamos a listar aqui somente as 10 mais. Vou pensa em um post parte II, com a mais amargas 🙂

Deixe uma resposta