English IPA: o estilo que originou as IPAs

03/05/2016 - Estilos de Cerveja

1.610 visualizações

English IPA: o estilo que originou as IPAs

Henrique Cruz
Sommelier de Cervejas; Professor e Consultor; Cervejeiro Caseiro; Juiz BJCP;

Existem muitas histórias sobre a origem do estilo English IPA, mas a maioria concorda que, o que hoje é conhecida como English IPA, começou como uma Pale Ale preparada para envio pela companhia de transporte marítimo das Índias no final dos anos 1700 e início dos anos 1800. George Hodgson da Bow Brewery tornou-se conhecido como um grande exportador de IPA durante o início dos anos 1800. Esse estilo se firmou muito bem na Austrália também, onde climas mais quentes favorecem o consumo da bebida mais lupulada.

Algumas outras histórias falam que as cervejas English IPA foram criadas por cervejeiros que queriam cervejas mais fortes, então a adição de mais lúpulo e malte para dar mais potência e sabor, acabou criando o estilo IPA. Outra versão, é que durante o período de exploração de outros países como a India, as tropas Inglesas eram abastecidas de cerveja, uma vez que a água não era potável, com isso o nome India Pale Ale.

Cervejas famosas do estilo English IPA são: Wychwood HobgoblinVon Borstel Little LondonFuller’s London Pride Young’s Special London Ale.

Características do estilo English IPA

english-ipa

Impressão geral: Uma Pale Ale britânica bastante lupulada, encorpada, com um final seco e amargor presente. Ingredientes clássicos britânicos como perfil de malte e lúpulo formam uma Ipa com perfil maltado e aromas florais/terrosos.

Aroma: O aroma de lúpulos do velho mundo (floral, herbal ou condimentado) deve ser de médio a alto. Perfil do malte é presente, mas sutil, aromas de caramelo ou torrado são opcionais no estilo.

Aparência: Cor variando entre âmbar e marrom acobreado. Colarinho abundante quase branco e com boa retenção.

Sabor: Sabor de lúpulo do velho mundo deve seguir o aroma, de médio a médio alto. Já os sabores do malte de moderado a baixo, geralmente oferecendo um caráter limpo remetendo a panificação. O malte e o amargor do lúpulo estão normalmente em equilíbrio e são mutuamente complementares, podendo o lúpulo ter destaque no sabor. Também é possível em cervejas com um perfil de água mais dura notar um final mais seco e amargo.

O Clube do Malte possui uma área exclusiva para as cervejas English IPAs, além de um e-book sobre os segredos do lúpulo e diversos posts destrinchando e explicando sobre as variações do estilo IPA.

Deixe uma resposta