A Turva precisa da sua ajuda para criar uma cervejaria colaborativa

24/06/2016 - Notícias

931 visualizações

A Turva precisa da sua ajuda para criar uma cervejaria colaborativa

Vinicius Stanula

SEO, tomador de bera e aprendiz da arte suave nas horas vagas

O mercado de projetos colaborativos só vem crescendo nos últimos anos. Já são vários cases de sucesso, entre CDs, DVDs, Livros, HQs e muito mais. Pensando nisso e vendo na cerveja um mercado ainda inexplorado por esse tipo de projeto, Felipe Simões teve a ideia de criar a Turva, uma cervejaria colaborativa aliada a um brewpub. Que se tudo der certo no Catar-se, promete sacudir o mercado de cervejas especiais.

A ideia é criar um bar que fábrica a própria cerveja em uma cozinha de brasagem, e que, além disso, possa estar aberto para mestres cervejeiros testarem suas receitas e exporem sua arte. Tudo de acordo com a lei, para trazer mais acessibilidade de equipamentos aos cervejeiros e ainda ótimas cervejas artesanais para quem quiser beber. No fim todo mundo ganha.

turva-cervejaria-colaborativa

“A Turva é aquele passo do tamanho da perna pra quem quer produzir, mas sabe como tá longe a realidade de uma cervejaria própria ou de uma produção cigana”, diz Felipe Cichini Simões, fundador e criador do conceito da Turva.

Ainda não há um endereço definido, mas sabe-se que será em São Paulo, SP. A Turva tem uma meta inicial de R$ 30.000 e você pode ajudar contribuindo com valores de R$ 15, R$ 40, R$ 90, até R$ 2.000 ou mais. As recompensas pelas contribuições variam pelo valor de doação, mas vão de bolachas, copos e pôsteres, até cursos e 1 ano de chopp grátis na cervejaria.

A cervejaria promete ser um ponto de encontro cervejeiro, com sommeliers, cervejeiros, maltarias, vendedores de insumos e curiosos do mundo cervejeiro. Um lugar onde você pode beber uma boa cerveja e conversar com pessoas que já trabalham com isso e estão no mercado há algum tempo.

A iniciativa é bem interessante e só tem a agregar para todo mundo. Teremos mais cervejas, mais cervejeiros, e o mercado só tende a aumentar.

Se você se interessou pelo projeto não deixe de dar a sua contribuição aqui.

Deixe uma resposta